CID-10

Categoria Bouba

Código: A66

Descrição: Bouba

Abreviada: A66 Bouba

Grupo: Outras doenças por espiroquetas

Capítulo: Capítulo I - Algumas doenças infecciosas e parasitárias

Subcategorias

Ver Grupos do CID-10

Definição

Bouba

A bouba é uma infecção tropical da pele, ossos e articulações causadas pela bactéria Treponema pallidum pertenue

A doença começa com um inchaço rígido e redondo da pele, com 2 a 5 centímetros de diâmetro

O centro pode quebrar e formar uma úlcera

Esta primeira lesão da pele, normalmente, cura depois de três a seis meses

Depois de semanas a anos, articulações e ossos podem se tornar dolorosos, pode haver desenvolvimento de fadiga, e novas lesões de pele podem aparecer

A pele das palmas das mãos e solas dos pés pode tornar-se espessa e quebrar

Os ossos (especialmente aqueles do nariz) podem se tornar disformes

Depois de cinco anos, ou mais, grandes áreas de pele pode morrer, deixando uma cicatriz

A bouba é transmitida pelo contato direto com o fluido de uma lesão de uma pessoa infectada

O contato é geralmente de natureza não sexual

A doença é mais comum entre crianças, que a disseminam ao brincar juntas

Outras doenças da treponemal são o bejel (Treponema pallidum endemicum),a pinta (Treponema pallidum carateum) e a sífilis (Treponema pallidum pallidum)

A bouba é muitas vezes diagnosticada pelo aparecimento de lesões

Testes de identificação de anticorpos no sangue podem ser úteis, mas não podem separar infecções anteriores da atual

A reação em cadeia da polimerase (PCR) é o método de diagnóstico mais preciso

A prevenção é, em parte, curando aqueles que têm a doença, diminuindo assim o risco de transmissão

Onde a doença é comum, o tratamento de toda a comunidade é eficaz

Melhorar a limpeza e saneamento irá também diminuir o disseminação

O tratamento geralmente é com antibióticos , incluindo: azitromicina por via oral ou benzilpenicilina benzatina por injeção

Sem tratamento, deformidades físicas ocorrem em 10% dos casos

A doença é comum em pelo menos 14 países tropicais de acordo com dados de 2012

A doença só infecta os seres humanos

Na década de 1950 e de 1960, a Organização Mundial de Saúde (OMS), quase erradicou a doença

Desde então, o número de casos tem aumentado e não foram renovados os esforços para erradicar globalmente a doença até 2020

A última estimativa do número de pessoas infectadas foi de mais de 500

000 em 1995

Embora uma das primeiras descrições da doença foi feita em 1679 por Willem Piso, evidências arqueológicas sugerem que a bouba pode ter sido presente entre os seres humanos até 1,6 milhões de anos atrás